;

De onde vimos

Embora com fortes raízes na Alemanha, somos atualmente uma empresa global em crescimento. Como empresa de investigação e desenvolvimento integrados, temos uma história invejável na disponibilização de tratamentos eficazes e tecnologias de ponta contra a dor aos nossos doentes. O nosso elevado investimento em I&D é testemunho do nosso firme compromisso com a inovação.

1947 Penicilina

A Grünenthal é a primeira empresa na Alemanha a registar a penicilina após a Segunda Guerra Mundial

1977 Tramal®

Lançamento do Tramal® ®, que se tornou desde então num dos analgésicos de ação central mais prescritos em todo o mundo

1990 Empresa Euro-Labor

A Grünenthal inicia a sua atividade em Portugal, através da representação dos seus produtos pela empresa Euro-Labor, S.A.

2001 Transtec®

Transtec®, um analgésico para a dor crónica, é lançado na Europa. O adesivo transdérmico inovador com um sistema de matriz polimérica pode ser manuseado pelo doente de forma fácil e segura

2003 Zaldiar®

Zaldiar®, o primeiro analgésico de dose fixa contendo paracetamol e uma pequena dose de tramadol, para o tratamento da dor aguda, é lançado a nível mundial

2007 Versatis®

Lançamento na UE do Versatis®, um adesivo de lidocaína de aplicação tópica utilizado para o tratamento da dor neuropática após herpes zoster

2014 Arcoxia®

Demos início à distribuição do Arcoxia® em vários países europeus, começando deste modo a oferecer uma terapêutica inovadora para o tratamento da dor de componente inflamatória

2017 Zomig®

Celebrámos um acordo com a AstraZeneca para obter direitos globais (exceto no mercado do Japão) sobre o Zomig® (zolmitriptano), um tratamento agudo da enxaqueca e da cefaleia. Isto acrescenta outra indicação importante na área da dor ao nosso portefólio

Talidomida

A talidomida representará sempre uma parte significativa da história da nossa empresa.
... contergan.grunenthal.info
 
Vai sair do site da Grünenthal S.A. Portugal.
Está neste momento a abandonar o site da Grünenthal S.A. Portugal e a aceder a um site externo. No caso de ser um site estrangeiro, este foi elaborado de acordo com a legislação local, a qual poderá apenas ser apropriada para os residentes desse país. ... Voltar ... Continuar