Dor neuropática

Sistema Nervoso lesado

As dores neuropáticas são caracterizadas pela alteração somatosensorial parcial ou completa no território de enervação do sistema nervoso central ou periférico correspondente à patologia e pela ocorrência paradoxal de dor e fenómenos de hipersensibilidade na zona desnervada e adjacentes.1 Estes fenómenos sensoriais ocorrem em condições etiológicas diferentes e em lesões nervosas diferentes. Muito raramente, pode ser imputada a apenas um mecanismo a responsabilidade por originar e manter os sinais e sintomas observados na dor neuropática.2,3 O tratamento da dor neuropática é ainda difícil, apesar dos novos tratamentos, e não existe um único tratamento que funcione para todas as condições e para os seus mecanismos subjacentes.

1 Jensen TS, Gottrup H, Sindrup SH, Bach FW: The clinical picture of neuropathic pain. European Journal of pharmacology, 2001; 429: 1-11
2 Jensen TS, Baron R: Translation of symptoms and signs into mechanisms in neuropathic pain. Pain,  2003; 102: 1-8
3 Woolfe CJ: Dissecting out mechanisms responsible for peripheral neuropathic pain: implications for diagnosis and therapy. Life Sciences, 2004; 74:2605-2610